Home Actualidade MPPM ASSINALA 69º ANIVERSÁRIO DA NAKBA RECORDANDO PRESOS PALESTINOS EM GREVE DE FOME
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

MPPM ASSINALA 69º ANIVERSÁRIO DA NAKBA RECORDANDO PRESOS PALESTINOS EM GREVE DE FOME

O MPPM assinalou o 69º aniversário da Nakba – designação dos povos árabes para a catástrofe que se abateu sobre o povo palestino com a criação do Estado de Israel. com uma sessão de solidariedade na Casa do Alentejo, em Lisboa.

Maria do Céu Guerra, presidente do MPPM, leu uma carta de Karim Yunis – o preso político palestino há mais tempo nas prisões de Israel – escrita no 28º dia da greve de fome “pela liberdade e pela dignidade” que mais de 1.500 presos políticos palestinos estão a realizar.

Bruno Dias, deputado do PCP, e Ivan Gonçalves, deputado do PS, respectivamente, Presidente e Vice-Presidente do Grupo Parlamentar de Amizade Portugal-Palestina, destacaram o papel deste grupo no esclarecimento da Questão Palestina, tanto entre parlamentares como junto da opinião pública.

Este papel foi referido por Nabil Abuzneid, indigitado Embaixador da Palestina em Portugal, que realçou o facto de o Parlamento português ter sido dos primeiros a manifestar solidariedade com os presos palestinos. Na sua intervenção contextualizou a data que se assinalava e agradeceu a solidariedade do povo português para com o povo palestino que já teve oportunidade de testemunhar nos poucos dias em que está em Portugal.

Encerrou a sessão Carlos Almeida, Vice-Presidente do MPPM, que destacou vários aniversários que se assinalam este ano e que são datas funestas para o povo palestino: o 100º aniversário da Declaração Balfour, que prometeu um lar para os judeus na Palestina, o 70º aniversário da Resolução da Partilha, da ONU, que conduziu à criação do Estado de Israel sem ser criado o Estado Palestino, e o 50º aniversário da ocupação total da Palestina por Israel.

[15.05.2017]

 
Desenvolvimento: Criações Digitais, Lda  |   Serviços:  Impressão digital  |  Webmarketing